Páginas

Pesquisar este blog

segunda-feira, 4 de junho de 2018

Parada Gay ocupa a Paulista com festa e recado político

Bruno Santos/Folhapress
A 22ª edição da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo ocupa a Paulista
Folha de S. Paulo
Os potentes alto-falantes do trio elétrico que abriu a Parada do Orgulho LGBT de SP, considerada a maior do mundo, ligaram o som ontem pela manhã diante do Masp e o visível clima de festa não escondeu o tom político."Poder para LGBTI+ Nosso Voto, Nossa Voz", foi o tema da 22ª edição.A arquiteta Mônica Tereza Benício, viúva da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ), assassinada no Rio, participou da parada. De cima do trio, Mônica lembrou da atuação de Marielle como "mulher negra, lésbica e favelada"."É importante saber em quem a gente vota. Vir para rua fazer festa e fazer revolução", disse."O Brasil é um dos países que mais mata a sua população LGBT. Isso aqui é resistência política."

Nenhum comentário:

Postar um comentário